quinta-feira, junho 03, 2004

Vampiro

Meus queridos,

Primeiro, quero explicar que os denomino de "queridos" porque de fato vocês representam em mim a "querência" ! De estar próximo, de amar, de querer bem....
Quando eu era apenas uma sombra de mim mesmo há muitos anos, vocês sem perceber me ajudaram a entender que na verdade eu era o meu próprio "anteparo". Tantas histórias vividas, tantos sonhos, medos, alegrias e tristezas compartilhados. Com mais ou menos proximidade, vocês estão presentes há quase dez anos e são referência forte e primeira quando eu penso na Amizade e o que ela representa na vida de um homem...
Eu não quero lutas, sanhas ou conflitos. ESTOU PROFUNDAMENTE CANSADO ! Não sou um homem de guerra, embora tenha ter que aprendido a ser um guerreiro para poder VIVER a vida....o mundo nos exige isto um dia... por mais que sejamos frágeis ou tenhamos grande dose de covardia, como é o meu caso !
Porém, não quero mais PERDAS ou DANOS ! Aos quase trinta anos, parafraseando Hilda Hilst (claro, eu tinha que citar) eu diria que "Não quero faca, nem queijo . Eu quero FOME!" E vocês próximos para ter com quem dividir todos os Banquetes que o mundo oferecer, mas os dias da miséria também !!!!!
Hoje eu oro para que Deus nos dê paciência, discernimento e humildade para sabermos cada vez mais como proceder !!!!!


Jorge Mautner

Eu uso óculos escuros pras minhas lágrimas esconder
E quando você vem para o meu lado, ai, as lágrimas começam a correr
E eu sinto aquela coisa no meu peito
Eu sinto aquela grande confusão
Eu sei que eu sou um vampiro que nunca vai ter paz no coração
Às vezes eu fico pensando porque é que eu faço as coisas assim
E a noite de verão ela vai passando, com aquele seu cheiro louco de jasmim
E eu fico embriagado de você
Eu fico embriagado de paixão
No meu corpo o sangue não corre, não, corre fogo e lava de vulcão
Eu fiz uma canação cantando todo o amor que eu sinto por você
Você ficava escutando impassível e eu cantando do teu lado a morrer
E ainda teve a cara de pau
De dizer naquele tom tão educado
"Oh! pero que letra más hermosa, que habla de un corazón apasionado"
Por isso é que eu sou um vampiro e com meu cavalo negro eu apronto
E vou sugando o sangue dos meninos e das meninas que eu encontro
Por isso é bom não se aproximar
Muito perto dos meus olhos
Senão eu te dou uma mordida que deixa na sua carne aquela ferida
Na minha boca eu sinto a saliva que já secou
De tanto esperar aquele beijo, ai, aquele beijo que nunca chegou
Você é uma loucura em minha vida
Você é uma navalha para os meus olhos
Você é o estandarte da agonia que tem a lua e o sol do meio-dia

PS - Vou pedir algo sério ! Se há pendências em relação a mim, sejam mágoas ou algo que vocês acreditam que seja importante dizer, por favor, manifestem-se, seja lá o que for ! Prometo que responderei e não guardarei mágoas !

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial