quinta-feira, abril 08, 2004

(Em homenagem à minha amada Helena...)

VÁ PARA O FOGÃO!!!!

Isso sim era o que EU deveria ter feito na manhã de ontem, quando entrei para o mundo dos acidentes automobilísticos.

Dez horas da manhã, saindo para o jornal logo após o final do rodízio, na portaria do meu prédio. Saída para a direita e um portão de outra garagem logo ao lado, também à direita. Olho para a esquerda, vejo que dois carros vem vindo, calculo o tempo, espero, eles passam, eu checo se o carro não está na segunda marcha (esse foi o problema), começo a acelerar e PUMBA!

De onde apareceu aquele carro? Caiu do céu? Como eu não vi?
Enquanto pensava nas respostas, meu carro seguia em frente. Lembrei disso quando ele subiu na calçada do outro lado da rua. Pelo menos deu tempo de não atropelar ninguém. Barbeiragem minha, sem direito a STJD.

Desci, o sujeito desceu do Monza e eu noto que a traseira dele está completamente destruída.

Ele me cumprimenta calmamente e diz, irônico: "Estou bem mesmo... Semana passada acertaram minha traseira, agora você pega a lateral..."

Só um arranhãozinho no dele, nem amassou. O meu? O estrago também não foi grande. Alguém aí sabe se custa caro uma tampinha de pisca-pisca do lado direito de Palio 1997?

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial